sexta-feira, 30 de novembro de 2007

05:42

A velocidade é um elemento cada vez mais importante quando tecnologia e inovação é o assunto da conversa. Dessa vez, como em muitas outras, a novidade vem da Coréia do Sul: pesquisadores do Instituto de Ciências e Tecnologia da Coréia desenvolveram um novo tipo de fibra óptica plástica que poderia ser usada para fornecer conectividade rápida e de baixo custo do consumidor diretamente para o provedor.

A grande vantagem dessa nova invenção é que ela não quebra tão facilmente como as fibras ópticas tradicionais, feitas de vidro, além de serem mais fáceis de conectar. A velocidade é intermediária: 2.5GB de dados por segundo, menos velozes que as de vidro mas bem mais rápidas que as de cobre.

Essa notícia é bem interessante para as companhias telefônicas, que poderiam oferecer serviços de telefonia e Internet mais eficientemente, principalmente para resolver o problema da "last mile", ou de conexão nos últimos trechos do cabeamento. As empresas economizam, e você ganha velocidade.

0 comentários: