sexta-feira, 2 de setembro de 2011

08:48



Poucos usuários sabem o que é “desfragmentar o disco rígido” e nem das vantagens que isso traz, por isso nessa matéria vou explicar um pouco sobre esse processo.

Desfragmentar é, como o próprio nome já diz, remover fragmentos provenientes da gravação em disco, mas você já parou para pensar como essa fragmentação ocorre?

Fragmentação

Quando salvamos arquivos em disco eles são gravados, muitas vezes, de forma desorganizada e aleatória, nesse processo de gravação o arquivo é separado e gravado em partes diferentes do disco, sendo assim, na hora de acessarmos o arquivo a CPU vai ter procurar cada um desses pedaços (fragmentos) e junta-los, isso em grande escala deixa o computador mais lento, tendo em mente que a perda de autonomia se deve ao processo da CPU de procurar e juntar os fragmentos e a necessidade de giro do disco rígido para encontrar esses pedaços.

Justamente, o desfragmentador opera juntando os fragmentos desses arquivos de forma sequencial e organizada no HD, facilitando o trabalho da CPU, e aumentando o desempenho do computador na hora de abrir algum arquivo.

O processo de desfragmentação deve ser feito de tempos em tempos e somente se o Windows mostrar que a unidade em questão está fragmentada. Também não existe necessidade de utilizar desse processo todos os dias.

Como desfragmentar?

O Windows possui seu desfragmentador próprio que estão na pasta “System Tools” (ferramentas do sistema), na aba de acessórios que está presente no meu iniciar.

Você também pode optar por utilizar outro desfragmentador, porem não existe necessidade, já que o desfragmentador de disco do Windows é de ótima qualidade.

Fonte: Hd Info


0 comentários: