quarta-feira, 6 de novembro de 2013

02:43
Em novembro, o varejo online começa a aquecer: além das compras de fim de ano, temos a Black Friday, noite em que muitas lojas prometem descontos enormes. A chance de cair em golpes aumenta muito, por isso é bom ficar atento.

Como nota O Globo, esta lista serve de guia mas não é o bastante: lojas on-line como JFD Eletrônicos e Barato A Jato acumulam reclamações, porém ainda não constam aqui. A Compre da China está na lista das empresas com mais reclamações no Procon em 2012; só em março deste ano, porém, ela entrou na lista de lojas a evitar.

Para não ter dores de cabeça, recomendamos que você visite o Reclame Aqui ou Reclamão.com para saber se a loja acumula reclamações – especialmente as não-respondidas. E se o preço da loja foi muito menor do que se vê no mercado, é bom desconfiar.

A lista do Procon foi atualizada no início de outubro, e você pode consultá-la aqui. Vale notar que, naquela lista, “no ar” indica que a loja ainda estava funcionando quando foi incluída pelo órgão; ela pode já ter saído do ar – é o caso da Neon Eletro. Abaixo, incluímos apenas lojas que ainda estão no ar.

Estas são as adições mais recentes:

www.aikade.com
www.auroramagazine.com.br
www.bazardevantagens.com.br
www.bazarimportado.com.br
www.bolsadevantagens.com.br
www.casasaurora.com.br
www.cestacheia.com.br
www.compredachina.com
www.jogos3ds.com
www.kmisetas.com.br
www.liderbit.com.br
www.lojadosete.com.br
www.metodoapostilas.com
www.oncomprascoletivas.com
www.topveste.com

E estas são as lojas que figuram na lista há meses, mas que ainda estão no ar:

www.apostilaconcursos.com.br
www.armazemgames.com
www.compra24horas.com
www.eletromm.com.br
www.eletrorezende.com.br
www.eshopdachina.com.br
www.fostonbrasil.com.br
www.melnaboca.com.br
www.realoutlet.com.br
www.superoff.com.br
www.targetdirect.com.br

Há extensões de navegador para Chrome e Firefox que alertam se um site de compras está na lista negra do Procon-SP; no entanto, elas ainda não foram atualizadas com a nova lista.

Fonte: Tech News Brasil

0 comentários: