Quem você quer para PRESIDENTE?

domingo, 29 de agosto de 2010

SAIBA A DIFERENÇA ENTRE FILTRO DE LINHA, ESTABILIZADOR E NO-BREAK



Muitos usuários ligam seus computadores sem proteção alguma a uma corrente elétrica de 120 volts que oscila a 60 Hertz, quando não cai a energia. Isso prejudica o computador e para que isso não ocorra devemos fazer uso de alguns aparelhos auxiliares.

No-Brakes, Estabilizadores e Filtros de Linha sempre geraram dúvidas pois são um tanto quanto parecidos fisicamente e possuem também funções parecidas, porém diferentes.


Filtro de Linha


Seu papel principal é filtrar os ruídos e interferências da rede elétrica, ou seja, ele faz a energia passar limpinha pela corrente para o computador. Isso acontece porque ele tem uma peça chamada varistor que elimina qualquer freqüência elétrica acima de 60 Hz. Esse valor é o padrão e significa que a tensão elétrica variou 60 vezes em um intervalo de 1 segundo.

Este produto hoje se tornou desnecessário, devido aos estabilizadores e fontes já possuírem um filtro de linha próprio embutidos.
Seu uso só é indicado se você precisar de mais tomadas para ligar os seus equipamentos ao estabilizador. Funcionando assim como uma espécie de extensão.

Este equipamento custa em média 15 reais. Mas se você possuir ou está pensando em comprar um estabilizador ou até um no-break, não precisa gastar dinheiro com isso.


Estabilizador


Este equipamento faz uma proteção mais completa e eficiente que o filtro de linha. Ele é o responsável por manter a tensão da saída normalizada, transformando altas e baixas tensões em tensões constantes, funcionando como uma espécie de funil.

O estabilizador procura manter uma tensão constante e estável, ou seja, se na rede elétrica houver picos ou ocorrer um aumento ou queda de tensão, o equipamento entra em cena e compensa essa diferença. Ele também possui varistores e fusíveis. Seu funcionamento é simples, porém muito útil.

Sua necessidade se deve porque a rede elétrica possui uma tensão alternada (entre 110v e 127v) e o computador utiliza uma tensão contínua (por exemplo, utiliza sempre 12v para um componente).
Para que nós possamos transformar uma corrente alternada em uma corrente contínua, precisamos de um equipamento como o estabilizador.

Caso haja uma variação muito forte na corrente elétrica, ele se queima para não danificar o computador. Em muitos casos, uma simples troca de fusível "ressuscita" o estabilizador.

Existem no mercado estabilizadores mais baratos, em média 30 e 40 reais, mas que são ineficientes. Uma comparação feita pela Proteste, reprovou 7 das 8 marcas comercializadas no país. Esses estabilizadores não exerciam sua principal função: estabilizar a tensão. Mas ainda existem à venda estabilizadores que realmente dão conta do recado, porém um pouco mais caros. As marcas indicadas são APC, Ragtech e Microsol.


No-Break


O no-break é o melhor sistema de proteção e o mais completo de todos.

Sua diferença crucial em relação ao estabilizador é que além de estabilizar a tensão, na falta de energia, ele continua alimentando o seu micro por um determinado tempo para que você possa utilizar mais um pouquinho o PC, salvar tudo e desligá-lo em segurança. Isso se deve ao fato do no-break possuir uma bateria, que é carregada enquanto a rede elétrica está funcionando normalmente. Essa bateria possui uma autonomia, que é o tempo em que ela sustenta o computador ligado. Esse tempo varia em no-breaks normais, de 10 a 15 minutos de energia. Por isso não é recomendado ficar usando o computador como se nada tivesse acontecido. Para que a autonomia seja maior, é recomendável que se ligue somente o computador e o monitor ao no-break, evitando a conexão de outros periféricos que contribuem para o esgotamento mais rápido da bateria.

Também existem no mercado, no-breaks com suporte a baterias extras. Assim você pode comprar uma bateria adicional e aumentar a autonomia para poder utilizar o seu computador por um tempo razoável.

Atualmente existem dois tipos de no-break: os On-Line e os Off-Line.

-Offline
Este tipo de No-break é o mais barato, porém apresenta um retardo em seu acionamento. Quando a luz acaba, este tipo demora um tempo (coisa de milissegundos) para detectar a falta de energia e então acionar a bateria. Este atraso é imperceptível, porém pode danificar os componentes mais sensíveis ou ocorrer travamentos.

-Online
É o tipo de no-break que custa mais, mas por isso também tem suas vantagens. Ele proporciona uma maior segurança ao usuário por não oferecer nenhum tipo de retardo. O produto oferece algumas vantagens em relação ao modelo offline.

Neste tipo de no-break a bateria fica constantemente em funcionamento, isto é, a energia vem da tomada e passa pela bateria que alimenta o computador.
Quer dizer que em nenhuma ocasião haverá uma desestabilidade no fornecimento de energia. Este método não há risco de danos para os componentes e nem atrasos no funcionamento do computador, é um sistema inteligente. Esses modelos geralmente já vêm com módulo estabilizador embutido evitando assim, a compra de um estabilizador em separado.

Na hora de comprar seu no-break, se tiver condições, opte por produtos com uma potência de 1Kva ou superior. Um no-break tem preço muito variado, os mais baratos custam a partir de 220 reais. As marcas recomendadas são APC e SMS.

Fonte: Markaeh Cult

2 comentários:

Anônimo disse...

Matéria muito boa tanto quanto as especificidades de cada equipamento tanto quanto às dicas de como adequadar a aquisição ao uso que terá

Edson santos Figueira disse...

gostei muito,pois tirou todas as minhas duvidas.